25 de maio de 2007

Para-Bem

O tempo passa ao tempo lento
Lento ao tempo que o tempo era
Voa ao tempo o tempo hoje
Sem tempo ao tempo a quem venera

Abraços de tempo em tempo
Felicidades de tempo em sempre
Muitos anos de tempo
Súbito é o tempo no dia que sempre se comemora

Fina Flor ao tempo brocha
De tempo em tempo ri
No tempo ao pranto calada chora

Quanto tempo no tempo vive?
Viva ao tempo o tempo já
Que o tempo vida eterna lhe dará

1 Comentários:

Anonymous ´Tatá disse...

é...
o tempo...
estou correndo contra ele...
:~

beijos amigo!

Tatá

22/06/2007 18:27  

Postar um comentário

<< Página inicial